O filtro invisível: entendendo como a Internet está medindo forças com o quarto poder

O livro do Eli Pariser, presidente da plataforma de ativismo digital MoveOn.org é um achado para aqueles que estão cansados da literatura de deslumbramento acerca da Internet e suas maravilhas democráticas. A Revista Época entrevistou o autor em agosto e vale a pena conferir.

Ao compartilhar a forma como pensam os diretores do Facebook e Google principalmente, Pariser cria muitas pulgas atrás da orelha. A tão perseguida relevância, palavra que mais se ouve no mercado da comunicação digital, é o foco destas gigantes da Internet.

A preocupação aqui é que para atingir esta relevância no oceano de informações, ambas seguem inovando e ampliando maneiras de traçar os perfis e preferências dos usuários. Portanto, desconfie. Como citado no livro, se você não está pagando pelo serviço, então você é o produto! E os mecanismos utilizados nesta corrida muitas vezes beiram o surreal.

Ah, o prefácio é de Chris Anderson, editor chefe da revista Wired.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s